Nota de Repúdio da CONAQ ao Ataque Violento á Democracia Brasileira 

A Coordenação Nacional das Comunidades Quilombolas do Brasil – CONAQ, vem manifestar seu repúdio e indignação ao ato cometido pelo sistema de justiça brasileiro contra o ex – presidente Lula. O que se assiste no Brasil nesse momento é um episódio criado para incriminar o ex – presidente Lula, considerando que não combater a corrupção e sim desrespeitar a vontade da maioria do povo brasileiro. A direita brasileira por não dispor de quadros políticos e nem propostas para a maioria dos mais de 200 milhões de habitantes, restou-lhe usar a força conservadora do judiciário para impedir que a maioria do povo brasileiro exerça seu desejo e vote livremente naquele que sem dúvida, governou para todos e todas, inclusive os ricos que hoje financiam os ataques à democracia. Talvez o crime que mais pese sobre o ex presidente Lula hoje é ter feito chegar a todos/as os brasileiros/as alguma política pública, coisa que a direita em mais 500 anos não fez. Quem está prestes a ser preso não é o ex presidente Lula e sim a democracia e a maioria da população brasileira que ver ser direitos irem de ralo abaixo, enquanto os grandes e poderosos donos dos meios de comunicação ganham ainda mais. Quem está prestes a ser preso? São os pobres, os negros/as, as mulheres, os nordestinos/as, os pequenos agricultores/as e todos/as aqueles que dependem das políticas públicas. É por não aceitar a retirada de direitos historicamente conquistados e nem instalação de mais ditadura e o massacre aos mais pobres, é que a CONAQ condena e repudia a decisão desse modelo de justiça, o mesmo que sustentou a escravidão por mais de 300 anos e conclamamos a todos/as para continuarmos resistindo, por nenhum direito a menos.
Zumbi Vive e Lula livre!
Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas