18 nov

Educação quilombola é tema de evento nacional

 Pela primeira vez, a educação quilombola será tema de um evento nacional, que deve reunir, de maneira remota, integrantes de comunidades e pesquisadores interessados no tema. A I Jornada Nacional Virtual de Educação Quilombola vai acontecer entre os dias 3 e 4 de dezembro, com mesas temáticas, partilha de experiências, testemunhos e resultados de pesquisas produzidas por intelectuais quilombolas.

O evento é uma realização do Coletivo Nacional de Educação Quilombola, da Conaq, em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), e estende até o próximo mês as comemorações pelo Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro.

“A educação quilombola é uma ferramenta de luta política em defesa de direitos territoriais”, afirma Givânia da Silva, educadora e coordenadora-geral do evento. “É com essa perspectiva de Coletivo de Educação da Conaq convoca professores, lideranças e aliados a participarem da Jornada. Será um importante espaço para troca de experiências e fortalecimento de nossa atuação”, completa.

Segundo dados do Censo Escolar 2018 do Inep, o Brasil conta com mais de 2.450 escolas quilombolas, uma conquista do movimento quilombola nacional. O movimento tem defendido a educação específica como uma prioridade desde 1997, quando houve a constituição da Coordenação de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq) – mobilizadora da Jornada.

Confira a programação preliminar em: http://jornadaquilombola.site.com.br

Sigas as redes sociais do evento:    Facebook   Instagram

As inscrições para a Jornada serão abertas em breve. Participantes inscritos serão certificados pela UnB.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail jornadaeducacaoquilombola@gmail.com ou pelos WhatsApp (41) 92002-6749 ou (22) 98878-4881.

 

Share This