01 out

Comunidades quilombolas tiveram o ano mais violento da década em 2017

Houve aumento de 350% de mortes em relação ao registrado em 2018

Dos últimos 10 anos, 2017 foi o mais violento para as comunidades quilombolas, segundo dados de uma pesquisa divulgada pela Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas. Apenas no ano passado, foram 18 assassinatos. Um aumento de 350% em relação ao número registrado no ano anterior.*Matéria original publicada no site da TV Brasil em 27 de setembro de 2018.

link: http://tvbrasil.ebc.com.br/reporter-brasil/2018/09/comunidades-quilombolas-tiveram-o-ano-mais-violento-da-decada-em-2017