29 jul

COVID-19: com 1.540 quilombolas infectados, Pará representa 40,5% dos casos confirmados em todo o país

Ascom Conaq

Na atualização do boletim epidemiológico da Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq) desta quarta-feira, 29, o destaque é para o crescente número de casos confirmados entre quilombolas do Pará. O número chega a 1.540 pessoas confirmadas, o que representa 40,05% do total de casos monitorados em todo o país.

O número de contaminações no Pará representa percentualmente quase o dobro do Rio de Janeiro e mais que o triplo da soma de 16 Estados juntos.

O Rio de Janeiro segue como o segundo Estado com mais número de óbitos, 37, seguido por Amapá, 19, Maranhão com 12 e Pernambuco com 09.

O monitoramento da Conaq acontece de maneira autônoma em parceria com lideranças quilombolas de todo o país e os dados também ficam disponíveis na plataforma on-line quilombosemcovid19.org em parceria com o Instituto Socioambiental (ISA).

 

Leia também:

Em Nota Técnica Conaq manifesta repúdio e motivos para derrubada dos vetos ao PL 1142/20

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Instagram