28 ago

Covid-19: boletim epidemiológico de 28/08

Ascom Conaq

A falta de ações efetivas de enfrentamento à proliferação da COVID-19 em territórios quilombolas revela uma situação potencialmente drástica, que evidencia o descaso das autoridades públicas. A visibilidade tem acontecido em função da iniciativa de monitoramento autônomo da Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (CONAQ) que, em parceria com o Instituto Socioambiental (ISA), que disponibiliza os dados na plataforma virtual quilombosemcovid19.org. As informações são coletadas junto às lideranças quilombolas de territórios de todo o país.

Evidências da transmissão da doença em territórios quilombolas são sub-notificados pelas autoridades sanitárias, pois, muitas secretarias municipais ainda deixam de informar quando a transmissão da doença e morte ocorre entre pessoas quilombolas. Favorecendo assim o apagamento da população quilombola frente a catástrofe da Pandemia do coronavírus.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Instagram